Como o aumento dos combustíveis está afetando os caminhoneiros?

aumento dos combustíveis

Em julho deste ano, houve um reajuste no valor dos combustíveis, como gasolina, diesel e gás de cozinha, gerando preocupação entre os caminhoneiros.

De acordo com a Petrobras, o reajuste precisava ser feito para se equiparar aos valores internacionais.

A estatal efetuou um aumento de 6,3%, equivalente a R$ 0,16 na gasolina, enquanto o diesel foi de 3,7%, sendo proporcional a R$ 0,10.

Esse aumento dos combustíveis gerou uma indignação por parte de toda a população, principalmente dos caminhoneiros.

Há menos de uma semana antes da decisão da Petrobrás, o Conselho Nacional do Transporte Rodoviário de Cargas (CNTRC) teve uma reunião com a estatal.

O CNTRC foi ao encontro do presidente da Petrobrás e solicitou que o valor do diesel não aumentasse, pois isso acarretaria problemas.

Com o aumento do valor do diesel, diversos setores são afetados negativamente, especialmente a cadeia produtiva que tem frete rodoviário.

Caminhoneiros dependem, especificamente, da cadeia produtiva para o setor de prestação de serviços, a fim de entregar insumos até o consumidor final.

Com o aumento da gasolina, a gestão logística encarece e os caminhoneiros autônomos têm mais despesas na hora de realizar seus trabalhos.

Esses profissionais recebem o valor certo para pagar o frete de transporte rodoviário nacional e, com o aumento, acabam pagando para trabalhar.

O que está acontecendo com o preço dos combustíveis atualmente?

De acordo com a Petrobras, o aumento dos combustíveis ocorreu devido a alguns fatores (não somente internacionais):

  • A demanda de combustíveis aumentou, enquanto a oferta reduziu consideravelmente, desestruturando o mercado. Uma das razões para isso foi a crise da pandemia.
  • Com o dólar alto, o Brasil teve mais desvalorização no câmbio. Com a commodity e o dólar mais caros, o país teve seu valor diretamente afetado.
  • Os biocombustíveis fazem parte da composição de combustíveis e encareceram, gerando um crescimento no valor da gasolina e do diesel.
  • Em 2016, a Petrobras alterou seu estilo e começou a praticar o Preço de Paridade Internacional (PPI), o que afetou drasticamente o caixa da companhia.

Qual é a importância de calcular o consumo de combustível?

Pensando nas alterações recorrentes do mercado financeiro, é importante calcular o consumo de combustível antecipadamente para evitar surpresas.

Por isso, a Center Peças Fabbri tem a calculadora online para facilitar o processo do motorista autônomo quando for realizar uma entrega, por exemplo.

Essa calculadora é um sistema simples, entretanto, de extrema eficácia, ensinando como calcular e detalhar os gastos em quilometragem.

Além de calcular a quilometragem percorrida, ela analisa detalhes, consumo por litro, preço do combustível de acordo com a sua cidade, etc.

Qual é a importância de calcular o frete?

Além de calcular o consumo de combustível, é importante para os caminhoneiros calcular o frete, pois evita-se gastar o salário recebido.

Caso não realize o cálculo do frete, ao invés de gerar lucro, o autônomo se vê com prejuízo, realizando um trabalho praticamente de graça.

Com a necessidade do cálculo de frete, a Center Peças Fabbri também tem uma calculadora de frete em seu site.

Ela é dividida a partir do tipo de carga, avalia os custos fixos e variáveis e calcula a quilometragem que será rodada.

Portanto, para evitar problemas futuros com os valores, entre em contato com a Center Peças Fabbri Sorocaba.

Além de fornecer soluções para caminhoneiros, a Center Peças Fabbri vende peças automotivas online para a linha de automóveis leves.