Qual o momento certo de trocar os pneus?

Antes de pegar estrada ou sair com seu carro para dar uma volta pela cidade, é importante conferir calibragem, pressão e todas as condições do pneu. Essa tarefa deve ser realizada constantemente, para garantir uma direção segura e tranquila. Mas mesmo com a revisão periódica, muitos motoristas ainda sentem dúvidas de qual é o momento certo de trocar os pneus.

Fundamental para que o carro possa andar, o jogo de pneus são interligados a diversos sistemas do carro, como suspensão, tração, direção e frenagem, e quando não estão em boas condições, podem comprometer todo o funcionamento do veículo. E como o pneu também tem prazo de validade, é preciso ficar atento a ela e a qualquer sinal de problema. Confira!

Data de validade

O pneu deve ser utilizado somente durante o período da validade: 5 anos a partir da data de fabricação. A informação está gravada na lateral do pneu, perto da sigla DOT, com quatro algarismos – que representam a semana e ano de fabricação. Alguns fabricantes também informam a quilometragem máxima que o pneu pode rodar com total segurança.

Essas informações fornecidas são apenas referências, pois a durabilidade do jogo de pneus depende muito do uso, peso do carro, tipo de pista, entre outras variáveis. Estar de olho a todos os sinais de um pneu danificado é essencial para se ter ideia de quando é necessário fazer sua troca.

Sua peça está aqui, acesse!

Tire Wear Indication (TWI)

É a primeira forma de analisar se os pneus já estão na hora certa de serem trocados. Os indicadores TWI são ressaltos de borracha localizados nos sulcos que ajudam a identificar se o pneu está ficando careca.

Eles possuem 1,6 milímetros de profundidade, e quando chegam ao seu limite, indicam a necessidade da troca. Quando usados nessa situação, o motorista terá dificuldades na frenagem, pois a aderência do pneu ao solo é prejudicada, além de estar passível de multas.

Repare nas laterais

Embora a banda de rodagem seja a parte de maior atenção, as laterais não devem ficar de fora da sua inspeção. Verifique se há sinais de ressecamento, ranhuras ou rasgos nessa parte, pois pode ser um sinal de vazamento de ar ou até mesmo pontos críticos que possam levar ao estouro do pneu.Se você identificar algo do tipo, a troca deve ser feita imediatamente.

Superfície comprometida

Se o pneu está com bolhas aparentes, cuidado: isso é um sinal de que o tecido ou malha de aço se romperam. Com o tempo, pequenos furos ou buracos podem aparecer – e mesmo pequenos, eles começam a desestabilizar e destruir o pneu com o carro em movimento.

É importante avaliar não apenas os pneus que estão em uso – o estepe também merece atenção. Assim, você estará seguro e prevenido para qualquer ocasião. Se você está em busca de pneus de qualidade para realizar a troca, conte conosco.

A CP Fabbri oferece preços especiais e uma variedade de modelos e tipos para o seu veículo estar bem equipado e pronto para rodar. Confira nossos endereços e venha nos visitar!

Clique aqui e encontre a peça que procura!

Center Peças Fabbri Pneus 0 Comentários

0 Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *